04_10_clubes-uefa

Escudos e uniformes de clubes da Escócia, Portugal e Turquia

Nas últimas semanas, o Blog do FUTBOX trouxe muitas curiosidades e informações sobre os escudos e uniformes de grandes clubes europeus. Se você perdeu, leia os , , e posts da série. Abaixo, mais sobre Celtic, Benfica, Porto, Fenerbahçe e Galatasaray.

• Para entender as cores do Celtic é preciso conhecer um pouco mais de sua história. O clube foi fundado em 1888 na Igreja de St Marry Hall, em Glasgow, na Escócia. A iniciativa do monge irlandês Walfrid Kerins tinha como principal objetivo angariar fundos para ajudar seus compatriotas que passavam por dificuldades financeiras no leste de Glasgow. Dessa maneira, a torcida do Celtic é formada, sobretudo, por escoceses católicos e descendentes de irlandeses.

O verde, presente nas camisas e escudos do clube, é a cor mais associada à Irlanda, e na bandeira nacional representa os cristãos do país. Ao longo de sua história centenária, o Celtic já adotou vários escudos com elementos que homenageiam a Irlanda, entre eles, a Cruz Céltica e um shamrock, trevo de três folhas usado por São Patrício, santo e padroeiro do país. Desde os anos 70, o distintivo é representado por um trevo de quatro folhas.

Águia pousa sobre o escudo do Benfica antes de jogo no Estádio da Luz

Águia Vitória pousa sobre o escudo do Benfica antes de jogo no Estádio da Luz

• Fundado em 28 de fevereiro de 1904 por ex-alunos da Real Casa Pia de Lisboa, o Sport Lisboa Benfica se tornou uma potência do futebol português e europeu. Seus torcedores são conhecidos por “encarnados”, pelo fato de o vermelho, que representa a bravura, ser a cor principal do clube. O branco simboliza a paz.

Nos jogos em casa, a águia Vitória – mascote do clube – sobrevoa o Estádio da Luz e pousa na parte superior do escudo. Assim, forma-se uma versão real do emblema composto pelas iniciais SLB, uma bola de futebol, uma roda de bicicleta (o ciclismo foi uma das primeiras modalidades do clube) e uma faixa com o lema: “E Pluribus Unum” (De Muitos, Um). A águia simboliza a elevação das aspirações do clube: independência, autoridade e nobreza.

• Fundado em 1893 por António Nicolau d’Almeida, o Porto é o único clube de Portugal a se sagrar campeão do mundo no futebol. Em seu primeiro escudo, destacava-se uma bola de futebol com as iniciais FCP. Em outubro de 1922, o então jogador Simplício (Augusto Baptista Ferreira) desenhou uma nova insígnia para o clube. Uma simbiose do escudo anterior com o brasão de armas da cidade de Porto. O azul e branco que compõem o seu “Home Kit” foram herdados da bandeira de Portugal que, na época de fundação do clube, era formada pelas duas cores.

Escudos do Fenerbahce - modelo atual foi inspirado nos traços do jogador Topuz Hikmet, em 1910

Escudos do Fenerbahce – modelo atual foi inspirado nos traços do jogador Topuz Hikmet, em 1910

• Fundado em 03 de maio de 1907, em Istambul, na Turquia, o Fenerbahçe só foi registrado oficialmente no ano seguinte. Isso porque seus fundadores agiram em sigilo, a fim de evitar problemas com o regime otomano que não via com bons olhos a prática do futebol, esporte das famílias britânicas, pelos jovens turcos.

Assim como no caso do Porto, o escudo do Fener foi desenhado por um jogador. Coube a Topuz Hikmet a responsabilidade de criar o distintivo que, ao longo dos anos, sofreu poucas alterações. Eis a simbologia das cinco cores: o branco, pureza e coração aberto; o vermelho, amor, união e a bandeira da Turquia; o amarelo, admiração e orgulho; o azul, a nobreza; e o verde, o sucesso supremo. A folha de carvalho representa a força do clube. Desde a sua fundação, a camisa nº 1 é formada por listras verticais azuis e amarelas.

O Galatasaray foi fundado em 1905, na mesma cidade do arquirrival Fenerbahçe. Seu registro oficial data do ano de 1912. O nome era em alusão a escola de mesmo nome, fundada em 1481 no bairro de “Galata Sarayı” (Palácio de Galata).

As primeiras camisas do clube eram vermelhas e brancas, as mesmas cores da bandeira da Turquia. Mas o que era para ser uma homenagem ao país gerou certa desconfiança das autoridades locais e assim, o clube decidiu aposentar o uniforme alvirrubro.

Ali Sami Yen, um dos fundadores e primeiro presidente do Galatasaray, explicou que as novas cores foram adotadas ao acaso. Em uma visita a lojas de tecidos, duas lãs – uma vermelha (cereja) e outra amarela (com um toque dourado) – estavam pareadas lado a lado. Daí surgiu a inspiração para o novo modelo de camisas do clube.

Tamanha a identidade com as cores, o escudo dos Leões é formado pelas iniciais “G” em grená e “S” em amarelo, entrelaçadas.

Categorias: Clubes / Futebol e DesignPágina inicial

Gabriel Godoy

Jornalista; frustrou-se na tentativa de ser um jogador profissional; peladeiro; apaixonado por futebol de campo, de rua, de botão, de vídeo-game...

Veja todos os posts de

Veja também:

  • Flamengo v Atletico Paranaense - Brazilian Cup 2013 Final

    Mengão é TRI

    Flamengo não dá chances ao Atlético-PR e é campeão da Copa do Brasil

  • 03_12_torino

    A Tragédia de Superga

    Torino não conseguiu repetir o sucesso após acidente aéreo que culminou com a morte de 18 jogadores.

  • infobox_ronaldinho_feed

    Infobox #5 – Ronaldinho Gaúcho

    A carreira do craque Ronaldinho Gaúcho. Participe da promoção e concorra ao DVD "R49, o Meteoro Atleticano".