escudos_euro

Escudos e uniformes dos clubes ingleses

Bem vindo ao 3º post da série “Futebol e design”, um breve estudo dos principais símbolos dos clubes europeus. Hoje, ‘viajamos’ até a Inglaterra, país onde foi organizado e sistematizado o futebol e onde foi disputada a primeira competição oficial: a FA Cup, em 1871 (veja aqui o  e o  posts da série).

Direto ao ponto, eis algumas curiosidades:

• O Arsenal foi fundado em 1886, em Londres, por funcionários de uma fábrica de munições. Fica fácil entender a origem do seu nome e do apelido “The Gunners”. Seu escudo também faz alusão aos tempos de fundação – no começo com três canhões, hoje com um. Suas cores vermelha e branca foram decididas ao acaso. Quando ainda se chamava Dial Square, o clube recebeu uma doação de camisas alvirrubras do Nottingham Forest, também da Inglaterra.

Escudo do Arsenal no Emirates Stadium

Escudo do Arsenal no Emirates Stadium

• O Chelsea foi fundado em 1905 em um bairro de mesmo nome da zona Oeste de Londres. Desde os primórdios, adotou o azul e branco como suas cores oficiais. Essa decisão coube a Earl Cadogan, visconde de Chelsea e ex-presidente do clube. No entanto, até o fim dos anos 50, o clube costumava usar meiões pretos. Atualmente, o “Home Kit” é composto por camisas e shorts azuis e meiões brancos.

Já o escudo, trazia nos primeiros anos a imagem de um pensionista. Na década de 50, o tradicional leão com a bengala, inspirado no brasão do condado de Earl Codogan, apareceu pela primeira vez. Além da mascote e do nome do clube, outros elementos que aparecem no escudo atual são as duas bolas de futebol e as duas flores vermelhas, representando a Inglaterra.

• Corria o ano de 1891. O empresário John Houlding comprou e aumentou o aluguel do Estádio Anfield, onde jogava o Everton. Inconformado com essa imposição, dirigentes do clube decidiram mandar seus jogos em outro estádio. O Estádio Anfield se tornaria um grande elefante branco? Não. Houldin decidiu fundar um clube só para jogar por lá. Nascia assim, em 3 de junho de 1892, o Liverpool.

Mais de 120 anos depois, o Liverpool continua atuando por lá. Tamanha identificação com a sua casa, na parte superior do escudo do clube, há uma reprodução da fachada do estádio com a inscrição “You’ll never walk alone” (você nunca andará sozinho), uma espécie de hino entoada por seus torcedores. Ao centro do escudo, a imagem de um Liver Bird, pássaro-símbolo do clube e que representa a cidade desde o século XIV.

Apesar de ser conhecido mundialmente como “Reds”, as primeiras camisas do clube eram azuis e brancas. O vermelho só seria adotado em 1894.

• 1880, Manchester. A Igreja de St Mark’s funda um clube de futebol de mesmo nome. Em 1887, o clube passaria a se chamar Ardwich FC e finalmente, em 1894, Manchester City Football Club. A primeira camisa usada pelo clube era preta com uma cruz de malta no peito esquerdo. Não demorou muito para que a cor azul-celeste fosse adotada como a oficial.

O azul-celeste também está presente no escudo do clube, inspirado em elementos do brasão de armas da cidade de Manchester, como o Manchester Ship, barco que simboliza o Manchester Ship Canal. O escudo também apresenta três linhas diagonais brancas representando os três rios principais da cidade (Irwell, Medlock-Irk e Mersey), uma águia e três estrelas douradas (sem simbologia específica) e ainda uma faixa com a inscrição “Superbia in Praelia” (Orgulho na batalha, em português).

Ilustração do 1º uniforme do Manchester no FUTBOX.com

Ilustração do 1º uniforme do Manchester no FUTBOX.com

• Manchester United

Fundado em 1878 como Newton Heath LYR por funcionários de uma empresa ferroviária, o Manchester United (nome adotado apenas em 1902) se tornou um dos maiores clubes do futebol europeu. Em seus primeiros anos, usou camisas verdes e douradas.

O vermelho só seria adotado após a mudança de nome por imposição de John Henriy Daves, dono de uma cervejaria local que investiu e salvou o clube de uma provável falência.

Assim como o City, o United carrega o Manchester Ship em seu escudo. Um dos principais elementos do emblema é o “Diabo Vermelho”, apelido que surgiu na década de 60 inspirado no Salford City Reds, clube de rúgbi da cidade de Salford, próxima a Manchester.

Categorias: Clubes / Futebol e DesignPágina inicial

Gabriel Godoy

Jornalista; frustrou-se na tentativa de ser um jogador profissional; peladeiro; apaixonado por futebol de campo, de rua, de botão, de vídeo-game...

Veja todos os posts de

Veja também:

  • calendario brasileiro do futebol

    NOVO CALENDÁRIO DO FUTEBOL BRASILEIRO

    Relacionar o patrocinador ao clube de uma forma inteligente e que faça sentido para o torcedor possibilitará a manutenção desse ecosistema, sustentado por um calendário que se preocupe com a sua principal força de trabalho.

  • Flamengo v Atletico Paranaense - Brazilian Cup 2013 Final

    Mengão é TRI

    Flamengo não dá chances ao Atlético-PR e é campeão da Copa do Brasil

  • 03_12_torino

    A Tragédia de Superga

    Torino não conseguiu repetir o sucesso após acidente aéreo que culminou com a morte de 18 jogadores.